03/10/2017 15h22

Professores do Sesi Vila Leopoldina protestam contra arbitrariedade da direção


Atualizado em 05 de outubro de 2017, às 18h52min

Numa atitude truculenta, a direção do Centro de Atividades (CAT) do Sesi Vila Leopoldina autorizou a entrada de dois policiais armados nas dependências da escola que funciona junto ao CAT, em pleno horário de aulas do ensino médio. A justificativa da ação: coibir o uso de entorpecentes por parte de alguns alunos.

O diretor do CAT não acompanhou os policiais, que circularam de armas em punho, e nem se deu ao trabalho de avisar com antecedência a direção da escola e os professores. É bom lembrar que o corpo docente e a coordenação da escola já vinham buscando alternativas pedagógicas para tratar a questão.

Em protesto, os professores divulgaram um manifesto condenando a direção do CAT e a presença dos policiais armados. Para eles, uma demonstração de força autoritária, irresponsável e perigosa.

Comissão de Acompanhamento

Avisado do ocorrido, o SinproSP convocou o Sesi para uma reunião da Comissão de Acompanhamento, que ocorreu dia 05 de outubro, na sede da Federação dos Professores. Participaram o professor Celso Napolitano, diretor do SinproSP e presidente da Fepesp e o professor Onassis Xavier, que leciona no Sesi em Osasco e é responsável pela Secretaria de Assuntos Relacionados ao Sistema S da Fepesp.

Depois de ouvir as reclamações, o responsável pelo Departamento de Recursos Humanos do Sesi, José Roberto Melo, informou que o diretor do CAT já tinha sido orientado sobre a presença de policiais na escola. Comprometeu-se também a averiguar e encaminhar uma resposta oficial sobre algumas das denúncias feitas na reunião e que, até então, não eram do seu conhecimento.


Leia o corajoso manifesto dos professores do Sesi Vila Leopoldina (CE 414):

todas as notícias
|18.10.17 - Dia dos Professores com sessão especial de cinema
|18.10.17 - Feriado da Consciência Negra na Colônia do SinproSP
|17.10.17 - Convenção Coletiva garante salários até janeiro/2018 na demissão sem justa causa
|16.10.17 - Escola sem partido quer fim dos direitos humanos na redação do Enem
|16.10.17 - A Participação nos Lucros e Resultados em perguntas e respostas

Ranking de salários
Logo Twitter Logo SoundCloud Logo YouTube Logo Facebook
Plano de saúde para professores
Cadastre-se e fique por dentro de tudo o que acontece no SINPRO-SP.
 
Sindicato dos Professores de São Paulo
Rua Borges Lagoa, 208, Vila Clementino, São Paulo, SP – CEP 04038-000
Tel.: (11) 5080-5988 - Fax: (11) 5080-5985
Websindical - Sistema de recolhimentos