29/04/2019 18h28

NOTA DE REPÚDIO DO SINPROSP


O Sindicato dos Professores de São Paulo – SinproSP - repudia as manifestações do Presidente da República e do Ministro da Educação de apoio à delação de professores, por meio de gravações ilegais na sala de aula.

A atitude de Bolsonaro e Weintraub estimula o ódio e a intolerância e comprova que nenhum deles está à altura do cargo que ocupam.

O discurso tosco e autoritário reflete um profundo desprezo pela inteligência e pela diversidade de ideias, dois fundamentos da Educação. E comprovam, mais uma vez, a absoluta falta de preparo destes dois senhores.


São Paulo, 29 de abril de 2019.

SinproSP

todas as notícias
|13.09.19 - Demissões no ensino superior em debate na Câmara dos Deputados
|13.09.19 - Colabore com pesquisa sobre práticas socioambientais nas aulas de Geografia
|12.09.19 - Vem aí uma nova reforma trabalhista e sindical
|11.09.19 - Justiça manda Dória devolver apostilas confiscadas
|06.09.19 - Modelo de EaD no Brasil prioriza lucro e empresas de Educação

Atualize seus dados no SinproSP
Logo Twitter Logo SoundCloud Logo YouTube Logo Facebook
Plano de saúde para professores
Cadastre-se e fique por dentro de tudo o que acontece no SINPRO-SP.
 
Sindicato dos Professores de São Paulo
Rua Borges Lagoa, 208, Vila Clementino, São Paulo, SP – CEP 04038-000
Tel.: (11) 5080-5988 - Fax: (11) 5080-5985
Websindical - Sistema de recolhimentos
Baixe o APP na Google Play Baixe o APP na Apple Store