02/05/2019 19h57

Reações em cadeia contra os ataques de Bolsonaro e Weintraub


O que dizer de um presidente e de um ministro da Educação que apoiam e incentivam a delação de professores por meio de gravações ilegais durante as aulas? A resposta chegou pelas redes sociais. Em pouco tempo, milhares de professoras e professores compartilharam a manifestação de repúdio que o SinproSP divulgou assim que Weintraub, na condição de ministro da Educação, defendeu a prática das gravações.

Só no facebook, foram mais de 12 mil compartilhamentos, mostrando que a categoria exige respeito e não vai se calar diante de ameaças e provocações.

todas as notícias
|19.07.19 - Governo estuda acabar com saque do FGTS em demissões sem justa causa
|17.07.19 - Segunda fase da Reforma Trabalhista tramita disfarçada no Congresso
|17.07.19 - 3ª Oficina de preparo vocal será realizada em 27 de julho no SinproSP
|16.07.19 - Reforma da Previdência: a conta é toda nossa
|15.07.19 - Laureate deve explicar demissões e negociar com o SinproSP

Atualize seus dados no SinproSP
Logo Twitter Logo SoundCloud Logo YouTube Logo Facebook
Plano de saúde para professores
Cadastre-se e fique por dentro de tudo o que acontece no SINPRO-SP.
 
Sindicato dos Professores de São Paulo
Rua Borges Lagoa, 208, Vila Clementino, São Paulo, SP – CEP 04038-000
Tel.: (11) 5080-5988 - Fax: (11) 5080-5985
Websindical - Sistema de recolhimentos
Baixe o APP na Google Play Baixe o APP na Apple Store