Geral

Audiência pública reafirma a importância de Paulo Freire

Atualizada em 22/11/2017 17:27

O SinproSP participou da audiência pública em defesa do Professor Paulo Freire, patrono da Educação Nacional. O sindicato foi representado pelos professores Relúcia Maria de Souza Alarcon e Pedro Artur Caseiro, diretores da entidade. O ato foi realizado na Assembleia Legislativa, dia 17/11, por iniciativa do deputado Carlos Gianazzi (Psol).

Estavam presentes, entre diversos convidados, a educadora Ana Maria Freire, viúva de Paulo Freire e a deputada federal Luiza Erundina (Psol), autora do projeto de lei que consagrou Freire como patrono da Educação. O projeto de lei foi sancionado em 2012, transformando-se na lei 12.612.

A audiência pública foi mais uma entre muitas manifestações contra a proposta de militantes do Escola Sem Partido que querem a revogação da lei e a retirada do título de Patrono da Educação Nacional.

Por ironia, no início de novembro, a Unesco reconheceu o acervo de Paulo Freire como patrimônio da Humanidade, dada a importância do Educador, cuja obra é referência em boa parte dos países de todos os continentes.

SinproSP

Durante a cerimônia, a professora Relúcia Alarcon, falou da importância de Paulo Freire e lembrou de sua estreita relação com o SinproSP. "Ele filou-se ao Sindicato numa bonita cerimônia e escolheu o SinproSP para lançar o livro ′Pedagogia da Esperança",também a canção preferida do professor Paulo Freire.