Geral

Mantida suspensão da posse de Cristiane Brasil

Atualizada em 09/01/2018 19:56

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região negou recurso da Advocacia Geral da União (AGU) e manteve a suspensão da posse da deputada Cristiane Brasil como ministra do Trabalho, prevista para esta terça, dia 09.

A suspensão foi deferida dia 08 pelo juiz Leonardo da Costa Couceiro, da 4ª Vara Federal de Niterói (RJ), por ação popular do Movimento dos Advogados Trabalhistas Independentes. O argumento era de que a nomeação de Cristiane Brasil feria o príncípio da moralidade administrativa.

A suspensão, ainda em caráter liminar, poupa a sociedade de mais um constrangimento. Afinal, a nomeação de alguém condenada por não registrar empregados em carteira é, no mínimo, um acinte e um ato imoral.