Campanha salarial

Convenção Coletiva continua em vigor no mês de março

Atualizada em 26/02/2018 18:26

Todas as cláusulas da Convenção dos professores de educação básica, que deveriam vigorar até 28 de fevereiro, foram estendidas até 28 de março. Como o SinproSP havia divulgado, a prorrogação foi pedida pelas representações sindicais dos professores e auxiliares na rodada com o Sieeesp em que foram definidas as regras da negociação.

No ensino superior, a cláusula que garante a obrigatoriedade de plano de saúde também foi prorrogada, até 30 de março. Na mesma reunião que dilatou a vigência da cláusula , foi estabelecida uma comissão para discutir especificamente o plano de saúde, que é a questão de maior dificuldade nas negociações salariais no ensino superior.

Ao contrário da educação básica, a Convenção dos professores de ensino superior têm vigência até fevereiro de 2019, exceto as seguintes cláusulas: plano de saúde, bolsa de estudo em cursos de medicina, odontologia, psicologia e direito, indenização adicional para professores com mais de 50 anos e creche, além do reajuste salarial.

Leia ainda:

Cláusulas sociais ocupam o centro das negociações (28/02/2018)