Campanha salarial

Confira a rodada de negociação com o Sieeesp, dia 12/02

Atualizada em 13/02/2019 11:15

Na reunião de negociação com o sindicato das escolas de educação básica (Sieeesp), ocorrida na terça-feira, 12 de fevereiro, a comissão da Fepesp, que representa professores e trabalhadores não docentes, voltou a defendeu a pauta de reivindicações que prevê, além do reajuste salarial, a manutenção das cláusulas já garantidas na Convenção Coletiva e também propõe a modernização das relações de trabalho para proteger a categoria contra a reforma trabalhista e o uso intensivo de novas tecnologias. A pauta contempla ainda reivindicações que não significam qualquer custo extra para as escolas, como a homologação feita nos sindicatos e a garantia de acesso dos dirigentes sindicais às escolas.

Uma nova reunião com os patrões já está marcada para o dia 26/02. É possível que, nessa próxima rodada, de acordo com o que foi dito pelo representante patronal, o Sieeesp apresente uma contraproposta para a Convenção Coletiva. A comissão da Fepesp insistiu na necessidade de realização de outra rodada de negociações, antes do dia 26, para fazer avançar esse processo.

Assembleia com falta abonada

No dia 28/02, quinta-feira, a partir das 9 horas, as professoras e os professores das escolas de educação básica de São Paulo têm um compromisso: participar da Assembleia com falta abonada - o Sieeesp e as escolas já foram comunicados e devem respeitar esse direito, garantido pela atual Convenção. Para preparar a Assembleia, o SinproSP realiza, nos próximos sábados, 16 e 23 de fevereiro, sempre às 9h, dois encontros para intensificar a organização e ampliar a mobilização.