Geral

Salários atrasados na Unisantanna: um filme que os professores conhecem bem

Atualizada em 18/03/2019 16:30

Mudou a mantenedora, mas a esperança dos professores da Unisant’Anna durou muito pouco. O ano mal começou e o corpo docente está sendo penalizado por atraso no pagamento dos salários, a exemplo do que aconteceu em anos anteriores.

Por este motivo, o SinproSP está convocando todos os professores da Unisant’Anna para uma assembleia no dia 25/03, segunda-feira, a partir das 17h, no Sindicato (Rua Borges Lagoa, 170). É um momento importante para discutir o enfrentamento imediato do problema.

Problemas têm longa ficha corrida

Infelizmente, os problemas na Unisant’Anna não são novidade pra ninguém. Uma longa crise provocada pela má gestão acabou levando os professores à greve diversas vezes.

Em agosto de 2017, mais uma vez, o corpo docente paralisou as aulas. A greve se estendeu por todo o segundo semestre. Para salvaguardar o direito dos professores, o SinproSP foi à Justiça contra a Unisant’Anna, mas a mantenedora acabou descumprindo até mesmo o acordo que fez na frente do juiz.

Em novembro, a Assembleia Legislativa foi palco de uma acalorada audiência pública. As denúncias contra a Unisant’Anna foram encaminhadas ao MEC pelo deputado Carlos Giannazi (Psol).

No início de 2018, a Unisant’Anna foi vendida e os novos donos propuseram um acordo para pagar a dívida com os professores. Aos poucos, parecia que a situação iria melhorar, mas a trégua durou pouco.

Em dezembro de 2018, o SinproSP convocou a Unisant’Anna para o Foro de Conciliação de Conflitos Coletivos depois de ter recebido denúncia sobre não pagamento de horas extras e do 13º Salário. Desta vez, são os salários que estão sendo pagos com atraso.

Para o diretor do SinproSP, Fabio Eduardo Zambon, a assembleia deve decidir como o problema será enfrentado. “Sindicato e professores vão discutir a situação e decidir o que deve ser feito daqui pra frente. É difícil, mas o corpo docente da Unisant’Anna conhece melhor do que ninguém por que é preciso manter unidade e compromisso na luta”, conclui Zambon.


ASSEMBLEIA DOS PROFESSORES DA UNISANT’ANNA

DIA 25/03, SEGUNDA-FEIRA, ÀS 17H

LOCAL: SINPROSP - Rua Borges Lagoa, 170 (metrô Santa Cruz)