Geral

SinproSP cobra Unisant’Anna por atraso nos salários

Atualizada em 29/03/2019 14:49

No dia 25 de março, o SinproSP realizou uma reunião com a Unisant’Anna no âmbito do Foro Conciliatório de Conflitos Coletivos, para tratar do atraso no pagamento de salários.

O Foro foi convocado pelo Sindicato depois de ter recebido denúncias. O Sindicato também recorreu ao Ministério Público do Trabalho contra o não pagamento dos salários.

Na reunião, os representantes da Mantenedora informaram que os salários foram pagos no dia 22 de março e solicitaram aos professores a liberação da cobrança da multa prevista na cláusula 7ª da Convenção Coletiva, que estabelece valor diário de 1/50 do salário por dia de atraso. No caso em questão, a multa corresponde a 2% do salário.

A assembleia dos professores da Unisant’Anna, realizada depois do encerramento do Foro, no mesmo dia 25, decidiu por aguardar até o próximo pagamento para tomar alguma decisão. Fica, entretanto, resguardado o direito individual de todos aqueles que optarem pela cobrança judicial da multa.