SinproSP

Começam as negociações da Educação Básica

Atualizada em 21/01/2004 17:07

No dia 20 de janeiro, a Federação dos Professores do Estado de São Paulo (FEPESP) e os SINPROs tiveram a primeira rodada de negociação com o sindicato patronal das escolas de educação básica para campanha salarial 2004.

Boa parte da reunião foi marcada pela discussão do dissídio coletivo de 2003. Os SINPROs exigem o cumprimento imediato da sentença e reafirmaram: por bem ou por mal, as escolas terão que cumprir o que a Justiça determinou.

Em relação às reivindicações para a campanha salarial 2004, o sindicato patronal repetiu o que parece ter virado tradição: não apresentou contraproposta, limitando-se a falar da crise econômica enfrentada pelo setor.

Nova reunião foi marcada para o dia 10 de fevereiro, às 14h30.

Anote na agenda: assembléia no SINPRO-SP, dia 31 de janeiro, às 10 horas.

Fonte: FEPESP