Direitos

Comunicados conjuntos disciplinam pagamento de reajuste

Atualizada em 31/05/2016 15:03

Já estão assinados os comunicados conjuntos que disciplinam o pagamento do reajuste em 2016, de acordo com as propostas apresentadas e aprovadas pela categoria durante assembleia. Os documentos são assinados pela Fepesp junto aos respectivos sindicatos patronais (o Sieeesp, na educação básica e o Semesp, no ensino superior).

Educação Básica

Acesse aqui o comunicado conjunto da Ed. Básica

A proposta aprovada prevê a aplicação do índice de 7% (sobre o salário de fevereiro de 2016) nos meses de março a agosto. Já a partir de 1º de setembro, o percentual passará para 11,5% (sobre o mesmo salário de fevereiro de 2016). Também ficou estabelecido a PLR, ou abono especial, de 12%.

Além disso, o comunicado estabelece que as diferenças salariais referentes aos meses de março e abril devem ser pagas juntamente com o salário de maio, pago até o 5º dia útil de junho.

Ensino Superior

Acesse aqui o comunicado conjunto do Ens. Superior

O comunicado estabelece que o índice de 10,57% deve ser aplicado aos salários da seguinte forma: 7% nos salários de março até agosto e a complementação, até atingir 10,57%, a partir de setembro. O percentual deve ser aplicado sempre sobre fevereiro de 2016. O salário de setembro de 2016, já reajustado em 10,57%, será a base de cálculo para o reajuste da próxima data base, em março de 2017.

Como os 7% são retroativos a março, as diferenças salariais poderão ser pagas junho com o salário de junho, até 06/07. O prazo de pagamento do abono salarial é 15 de outubro.