Campanha salarial ensino superior

Sindicatos se reúnem para discutir última proposta patronal

Atualizada em 30/09/2020 22:37

Os sindicatos integrantes da Fepesp irão se reunir nesta quinta-feira, 01/10, em sessão virtual para discutir a proposta apresentada pelas mantenedoras do Ensino Superior privado nesta Campanha Salarial 2020 e decidir sua próxima etapa, que inclui a convocação de assembleia para deliberação por parte dos educadores. A proposta patronal foi apresentada em reunião virtual na manhã desta quarta-feira entre os representantes das instituições de ensino e a comissão de negociação dos sindicatos coordenada pela Fepesp.

A proposta patronal apresentada agora se refere às cláusulas financeiras da convenção coletiva de professores e de auxiliares de administração escolar. A proposta inclui abono aos trabalhadores para corrigir defasagem na massa de salários e deve compreender o período de dois anos, até 28 de fevereiro de 2022.

As cláusulas sociais da convenção coletiva também deverão ter renovação por dois anos. Em rodadas de negociação anteriores a comissão de negociação dos sindicatos defendeu a manutenção de todas as cláusulas sem alteração, garantindo direitos consagrados como garantia semestral de salários, bolsas de estudos para dependentes dos trabalhadores, assistência médica, e outros itens que compõem a compensação total pelo trabalho de professores e pessoal administrativo nas instituições particulares.