Direitos

Espere! Ainda é cedo para pedir demissão

Atualizada em 28/10/2020 17:23

Com a proximidade do final do ano é possível que alguns professores já estejam decididos a sair da escola em que lecionam. Mesmo que a decisão seja irrevogável, é importante ainda é cedo para avisar a escola ou a instituição de ensino superior. A comunicação precipitada pode trazer prejuízos, inclusive o não recebimento do recesso.

O pedido de demissão no final do ano está regulamentado no Dissídio Coletivo dos Professores de Educação Básica e na Convenção Coletiva dos Professores do Ensino Superior, que possuem cláusulas que asseguram o direito aos salários até janeiro de 2021.

No entanto, é necessário que os professores cumpram algumas regras, como entregar o pedido de demissão no tempo certo, trabalhar até o último dia de atividades letivas e cumprir todas as obrigações com a escola. Sem isso, o recebimento do recesso fica ameaçado.

Prazo ideal

Em breve, o SinproSP divulgará o Guia de orientações para o final do ano, com maior detalhamento sobre o desligamento no final do ano e um modelo de carta de demissão para ser entregue na escola.

Por hora a recomendação é: aguarde para formalizar o pedido de demissão.