SinproSP

Dirigentes do Sieeesp pagam os 16,42%, negociam o retroativo e cláusulas sociais

Atualizada em 17/03/2004 16:35

Informações obtidas pelo SINPRO-SP dão conta de que dirigentes do sindicato patronal estão pagando, nas escolas de sua propriedade, os 16,42% de reajuste salarial determinado pela sentença do TRT.

Está é a realidade: o Sieeesp joga as escolas no abismo financeiro provocado por dívidas trabalhistas acumuladas, mas seus diretores fazem exatamente o oposto.